Meio Ambiente

Embora, em princípio, a atividade mineradora seja potencialmente agressiva ao meio ambiente, desempenha papel de fundamental importância sócio-econômica, na medida em que é fornecedora de insumos para a indústria de transformação e de matérias primas indispensáveis à Construção Civil.

Os bens minerais não se locomovem buscando a infraestrutura e nem rastreiam o mercado. A jazida mineral encontra-se onde as condicionantes geológicas a criaram e seu aproveitamento industrial possui particularidades que a distinguem das demais atividades econômicas, atendendo a mais de 80% das nossas necessidades cotidianas.

Embora utilize pouca mão de obra na indústria extrativa, seu efeito multiplicador é muito grande e, segundo levantamentos do Departamento Nacional da Produção Mineral – DNPM, a relação entre empregos diretos e indiretos é de 1 para 40, utilizando no seu aproveitamento uma gama considerável de especialistas multidisciplinares.

A MT Tortato, estabelecida no ramo de Extração e Comércio de Areia, sempre teve como objetivo prioritário a execução da atividade em acordo com os critérios e determinações estabelecidos na legislação minerária e ambiental. O aproveitamento dos recursos minerais, em todas as áreas em que foi executado sob nossa responsabilidade, foi, invariavelmente, precedido da obtenção dos direitos minerários junto ao Departamento Nacional da Produção Mineral – DNPM, órgão governamental ligado ao Ministério das Minas e Energia, ao qual compete a administração dos recursos minerais, da indústria de produção mineral e da distribuição, comércio e consumo de produtos minerais.

Objetivando a manutenção da qualidade ambiental e, consequentemente, das condições de equilíbrio entre o desenvolvimento da atividade minerária, os sistemas naturais e as condições de ocupação na área de influência do empreendimento, os trabalhos de mineração vêm sendo executados, rigorosamente, com base em metodologia previamente estabelecida em projetos específicos, elaborados por técnicos legalmente habilitados, que, necessariamente, integram os documentos que instruem o processo para a obtenção do Licenciamento Ambiental, e, portanto, foram devidamente analisados e aprovados pelos órgãos competentes.

No período em que se desenvolveram os trabalhos de lavra e beneficiamento, foram incorporados os recursos disponíveis em função do avanço tecnológico, com a renovação dos equipamentos utilizados no processo produtivo e alterações na metodologia de trabalho, de modo a atender aos critérios definidos pela legislação específica e adequar o desenvolvimento da atividade às alterações nas condições de ocupação da região.

"Da mesma forma como é preciso produzir sem destruir, sabemos que é possivel extrair sem degradar, com atitudes corretas, socialmente justas e economicamente viáveis"